Seu Filho fala pouco?

Seu Filho fala pouco?

Meu filho fala pouco, esta é uma frase muito comum no consultório.

Começar a falar é uma expectativa muito grande pelos pais, todos esperam que aconteça cedo e com sucesso. Mas nem sempre é assim!!

1. O que fazer quando isso não acontece?

2. Até que idade é normal?

3. A quem recorrer ajuda?

Durante o primeiro ano de vida os aspectos motores são os mais marcantes

A criança começa a sustentar o pescoço, logo em seguida consegue sentar sem apoio, e por volta de 12 meses ela dá os primeiros passos. E seguindo essa linha, a fala acompanha o desenvolvimento motor e vai além do balbucio.

Aos 12 meses surgem as primeiras palavras funcionais: da, que, mama, papa..

Tem o início da intenção de se comunicar, sem contar que se mostra atento para a fala do adulto, onde muitas vezes começa a imitá-lo.

Quando a criança completa seus 18 meses, há um aumento significativo da compreensão e consequentemente da expressão. É capaz de compreender ordens simples e também situações de duas ações.

E assim a tendência é seu vocabulário se expandir.

Vale comentar que o atraso na fala pode ser notado a partir dos 18 meses e quanto antes a procura profissional for realizada melhor para o trabalho de estimulação.

CEDO DEMAIS não existe, mas TARDE DEMAIS sim.

Caso haja dúvidas procure um fonoaudiólogo, que é o profissional indicado para em conjunto com a família, realizar estratégias para em casa estimular a fala da criança.